Pesquisar

10 Canções de Luís de Camões

Email
Preço:
Preço de venda: 15,00 €
Preço de venda sem taxas: 15,00 €
Descrição

As 10 Canções de Camões que integravam a primeira edição de 1595 das suas RIMAS, são uma obra prima da poesia maneirista portuguesa. Porque são alguns dos poemas de que mais gosto, e ler em voz alta é a melhor maneira de conhecer a poesia, li-as em voz alta e gravei-as com o Vasco Pimentel em 1995, há 15 anos, para a extinta Comissão dos Descobrimentos Portugueses. Não se encontra já essa edição que tinha uma capa da Cristina Reis. É essa mesma gravação, uma das que mais gosto de entre todas as que fiz, que aqui se reedita. E a sua expressão da melancolia. "Sem terra, sem ar, sem tempo e sem mundo para viver, sem encontrar piedade nos outros homens, abandonado ou esquecido por Deus, o melancólico camoniano dobra-se sobre si próprio, converte o infortúnio no gosto de ser triste, contemplando-se num espelho interior, como um Narciso dilacerado e excruciado que, através da confissão poética, grita aos céus e aos homens a excepcionalidade do seu sofrimento, do seu amor e do seu destino." (Vítor Manuel de Aguiar e Silva, Camões: Labirintos e Fascínios, Cotovia,1994)

Luis Miguel Cintra

Autor Luis Vaz de Camões
Revisão Teresa Meneses
Capa e direcção gráfica Joaquim Pinto e Nuno Leonel

Nota: a transcrição do texto segue a edição com direcção literária de A. Costa Pimpão

Gravado por Vasco Pimentel no Grande Auditório do Centro Cultural de Belém (1995) Remasterizado por João Ganho no estúdio o Ganho do Som (2011)




Política de privacidade